quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Life...


Eu imagino um futuro ao teu lado. Imagino a nossa vida.
Mas há certas coisas que são difíceis para mim. Eu tenho muita necessidade de exprimir aquilo que sinto e um pequeno gesto como dar a mão ou um simples abraço significam muito para mim. Eu sei que tu não gostas, por isso tento controlar o impulso de o fazer, mas às vezes é mais forte do que eu, às vezes não consigo dominar a minha vontade de te agarrar e fugir contigo para um lugar onde ninguém nos encontre e onde tu possas ser a pessoa que és quando estás sozinha comigo. Às vezes estou contigo e tenho saudades dessa pessoa.

Há muitas diferenças entre nós e talvez eu não seja a pessoa mais indicada para ti. Talvez tu precises de uma pessoa que te dê mais espaço, que não “atrofie” com certas coisas e que não te peça para deixares de fumar. Eu sei que não sou a pessoa certa para ti, mas só de pensar em tu deixares-me sinto uma dor impossível de imaginar. Por isso, enquanto tu me amares e sentires que sou eu quem te completa, eu vou lutar por ti todos os dias e vou dar-te todos os dias o valor que tu mereces e vou mostrar-te sempre o que significas para mim, mesmo que isso implique aguentar estar ao teu lado e não te poder tocar.

Não imaginas o que significa para mim quando cedes aos meus desejos, como hoje, quando me beijaste na rua, antes de ires para casa.

Amo-te por tudo o que fazes por mim.
És a pessoa mais importante do Universo
.





“a vida passa e não fica, nada deixa e nunca regressa”

terça-feira, 18 de outubro de 2011

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

I just want to stay with you in this moment forever



I could stay awake just to hear you breathing
Watch you smile while you are sleeping
While you're far away and dreaming
I could spend my life in this sweet surrender
I could stay lost in this moment forever
Every moment spent with you
Is a moment of treasure

Don't wanna close my eyes
I don't wanna fall asleep
'Cause I'd miss you baby
And I don't wanna miss a thing
'Cause even when I dream of you
The sweetest dream would never do
I'd still miss you baby
And I don't wanna miss a thing

Laying close to you
Feeling your heart beating
And I'm wondering what you're dreaming
Wondering if it's me you're seeing
Then I kiss your eyes and thank God we're together
And I just want to stay with you
In this moment forever, forever and ever

I don't wanna miss one smile
I don't wanna miss one kiss
I just wanna be with you
Right here with you, just like this
I just wanna hold you close
I feel your heart so close to mine
And just stay here in this moment
For all the rest of time

quarta-feira, 5 de outubro de 2011

sábado, 1 de outubro de 2011

A.R.


amo-te
és a minha luz
és o meu sorriso
és o meu olhar
és a minha serenidade
és a minha esperança
és o meu medo
és o meu calor
és o meu desejo
és a minha revolta
és o meu frio
és a minha proteção
és o meu chão
és a minha segurança
és o meu silêncio
és a minha voz
és a minha miúda
és a minha mulher
és o meu mundo
és a minha alma
és a minha vida
és quem eu quero ao meu lado
ontem , hoje e sempre.


AMO-TE




ANITARAQUEL.ANITARAQUEL.ANITARAQUEL.@

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Interna-me ...

Eu não posso falar mais contigo , eu não posso voltar a ligar-te , eu não posso voltar a mandar-te mensagens … Não posso ter mais contacto contigo . Eu não posso estragar tudo entre nós !
Não sei o que se passa comigo , não sei porque faço e digo certas coisas , não sei porque não encontro respostas para as minha perguntas , não sei porque choro até as letras se apagarem do papel , não sei !
Só sei que não aguento isto … Não aguento amar-te como te amo e saber que estou a magoar-te com as minhas atitudes . Não aguento saber que nos estou a fazer mal , que nos estou a magoar . Não aguento as minhas palavras , não aguento os meus pensamentos , não aguento não poder estar contigo , não aguento saber que as coisas estão diferentes e que eu sou a culpada . Não aguento não conseguir mudar isso.
Não aguento magoar-te, não aguento magoar-te , não aguento magoar-te.
Não aguento pensar que um dia posso acordar e descobrir que tu deixaste de conseguir aguentar-me…



Desculpas-me ?

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

MULHERES

Eu não quero ter dúvidas, eu não quero hesitar, eu não quero pensar na possibilidade de vir a ter outra pessoa, não quero saber se o futuro é incerto, não quero ter-te longe de mim, não posso perder-te. Nem hoje nem NUNCA.
És a mulher da minha vida, és quem ocupa o meu pensamento, o meu coração. És a única pessoa que me conhece verdadeiramente e a única que ama verdadeiramente a pessoa que eu sou.
Eu acredito que, quando o amor é verdadeiro, dura para sempre. Mesmo que uma de nós desenvolva sentimentos por outra pessoa eu sei que nunca vamos deixar de nos amar. Sei que nunca amei ninguém como te amo a ti. Sei que nunca conheci ninguém que me fizesse sentir da forma que tu sempre me fizeste sentir. A maior prova de que o nosso amor é real é a segurança insegura que me fazes sentir. Fazes-me sentir a segurança de que nós vamos ser eternas e, ao mesmo, todos os dias eu tenho um medo irracional que desapareças.
És a minha vida.

“Procurei em todas as mulheres a felicidade,
Mas eu não encontrei e fiquei na saudade.
Foi começando bem, mas tudo teve fim.
Você é o sol da minha vida, a minha vontade.
Você não é mentira, você é verdade.
É tudo o que um dia eu sonhei pra mim


(venha a crise dos 6 / 7 meses, nós estamos cá para aguentar. FUCK OFF)

domingo, 21 de agosto de 2011

Turn it into reality

Esta noite sonhei contigo.
Estávamos sozinhas no meu quarto. Apoderaste-te de mim, beijaste-me e levaste-me até à cama. Conseguia ver desejo crescer nos teus olhos enquanto afastavas o meu cabelo e pressionavas o teu corpo contra o meu. Começaste a beijar-me mais intensamente. Agarraste os meus braços e prendeste-os acima da minha cabeça enquanto beijavas o meu pescoço. Os teus olhos absorviam a minha imagem. As tuas mãos percorriam-me em movimentos desenfreados enquanto as nossas línguas se entrelaçavam. Eu estava completamente arrepiada, completamente molhada. Eu precisava de te sentir dentro de mim e sabia que tu estavas tão excitada quanto eu. Eu queria-te. Desejava-te com uma violência colossal. Num movimento rápido as nossas roupas foram atiradas para o chão.
Prendi as pernas à tua volta e empurrei o teu corpo de maneira a ter-te debaixo de mim. Era eu quem detinha o controlo. O teu corpo estava quente e pulsante, mas eu queria fazer-te esperar. Queria levar-te a implorar que te possuísse. Aproximei os meus lábios do teu pescoço e, enquanto te beijava e mordia alternadamente, levei as mãos aos teus seios. Toquei-os em movimentos circulares e senti os teus mamilos endurecer. Passei-lhes a língua e beijei-te calorosamente. Senti os teus lábios roçarem suavemente a minha pele enquanto me suplicavas “fode-me, por favor”. Sabia que tinha conseguido o que queria. Olhei-te nos olhos e esbocei um sorriso malicioso. As tuas pernas abriram-se para mim. Com os lábios tracei um caminho pelo meio do teu corpo. Cobri-o de beijos enquanto te sentia movimentar debaixo de mim. Abri os lábios e pude sentir o teu sabor na minha língua. A cada movimento meu te sentia mais ofegante, a cada lambidela te sentia mais descontrolada, cada vez mais molhada enquanto eu sorvia tudo de ti. Desci a mão até ti e penetrei-te com a força de todo o meu desejo. Tu fizeste o mesmo. Gemi enquanto nos tocávamos numa sincronia perfeita. Senti-me estremecer enquanto os teus dedos entravam mais fundo dentro de mim.
Tudo era perfeito, os nossos corpos eram um só, as nossas almas eram uma só, tu pertencias-me e eu pertencia-te. Nada nem ninguém podia estragar aquele momento. E acordei.
Amo-te.

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Bring it back !

"Não desistiremos de explorar
E o fim de toda a nossa exploração
Será chegarmos ao lugar de onde partimos
E conhecer o lugar pela primeira vez ."
Nunca este poema fez tanto sentido para mim como agora . Foi como uma primeira vez já nossa conhecida . Nunca há tempo suficiente para te ter .
Amo-te ontem , hoje e sempre .

domingo, 10 de julho de 2011

Universo Paralelo

Nunca vou esquecer a maneira como me olhas, a maneira como me beijas, a maneira como me tocas, a maneira como me agarras e me fazes sentir que podemos segurar o momento para sempre, que vamos ficar assim para sempre …
Amo-te tanto!
E após quase 5 meses ainda continuo a sentir que somos apenas duas miúdas enroladas numa onda de desejo e paixão. Sempre me fizeste sentir como se estivéssemos dentro de uma bolha, num universo paralelo onde mais ninguém existe e mais ninguém tem permissão para entrar.
Somos amor, somos segurança, somos carinho e compreensão, somos sinceridade. Somos o dar e o receber, somos momentos de prazer. Somos eu e tu, somos tu e eu, mas sobretudo somos nós.
Fizeste-me conhecer-te em alguns lugares, fizeste-me amar-te em todo o lado.
Eu não quero que isto acabe nunca porque tu fazes-me sentir verdadeiramente bem, verdadeiramente completa, verdadeiramente feliz!
Dou comigo a sonhar acordada… penso em tudo o que ainda não fizemos, em tudo o que adorava vir a fazer contigo…
Por vezes sinto-me como se estivesse a viver um sonho. Não sou eu que controlo, não és tu que controlas, são os nossos maiores desejos que comandam o nosso destino.
Se isto é um sonho não me acordes, deixa-me sonhar eternamente.

(07.07.2011)

quinta-feira, 7 de julho de 2011

Reflection .

Não sei o que se passa comigo . Sinto-me arrebatadoramente atraída por ti . Desejo descontroladamente descobrir qual a sensação do toque dos teus lábios nos meus . Dou comigo a pensar no quanto te desejo .. É tudo tão novo , tão diferente .. Nunca pensei querer-te como te quero . Nunca pensei querer tanto sentir os nossos lábios , as nossas línguas , os nossos corpos unidos . Quero poder tocar-te , quero que sejas minha . Estou viciada na tua presença , não consigo abdicar de ti . O que há em ti que me faz sentir assim ?

Taste


Anda amor , vem para mim .
Toca-me ... Preciso de te sentir em mim . Preciso do toque das tuas mãos no meu corpo . Quero-te com uma necessidade urgente .
Anda amor , toca-me como só tu sabes ... Quero os teus dedos dentro de mim , quero a tua língua quente a despertar o meu desejo . Anda amor , toca-me . Sente como me deixas doida por ti , sente o quanto eu te quero , sente o quanto eu te desejo .
Anda amor , vem para mim .
Deixa-me fazer amor contigo . Deixa-me tocar-te , deixa-me lamber-te , deixa-me molhar-te , deixa-me fazer-te gemer por mim ... Quero os nossos corpos juntos , quero sentir o teu calor em mim . Quero sentir o palpitar do teu coração , quero saborear-te , quero fazer-te feliz , quero satisfazer-te .
Aguentas ?
Anda amor , vem-te para mim .


(19.06.2011)

sexta-feira, 17 de junho de 2011

Assim ..

Eu preciso de sentir o chão debaixo dos meus pés . Preciso do conforto de uma lareira num dia de Inverno , preciso da segurança que me transmite um abrigo . Eu preciso e é em ti que o encontro . Tu és o meu conforto , a minha segurança . És a minha calma e a minha turbolência , és o meu quente e o meu frio , és o meu perto e o meu longe , és o meu porto de abrigo e és o chão onde me apoio . Tu fazes de cada dia uma descoberta . Fazes cada dia ser uma incógnita plausível de ser descoberta . Fazes-me querer ser mais , saber mais , desejar mais . E que mais posso eu desejar se não tu ? Posso desejar que nunca vás embora , posso desejar que fiques sempre aqui . Posso desejar que fiques esta noite e que interrompas os meus sonhos abruptamente apenas para eu ver que a realidade é o que eu sonho .
Eu preciso de te ter para a minha sobrevivência . É uma necessidade .
Por vezes temos o chão , o abrigo , o porto seguro , mas isso não implica perdermos o medo das tempestades .




(22.05.2011)

quinta-feira, 16 de junho de 2011

Wild .

Sabes o quê que eu te fazia agora ?
Agarrava-te com força e atirava-te para a cama . Mordia-te e arranhava-te , tirava-te a roupa e não ia ter cuidado com o que te ia fazer . Ia ser mesmo assim , de um jeito meio bruto meio selvagem .
Porque me irritaste e porque me chateaste e porque tudo o que eu quero és tu .




(15.05.2011)

domingo, 8 de maio de 2011

Pintas

Desculpa se me afastei , desculpa se não estive lá quando tu precisaste , desculpa se pus pessoas à tua frente , desculpa se deixei de te saber mostrar que és a minha amiga mais importante , desculpa se não te dei ouvidos , desculpa se não te quis ouvir , desculpa se pensei que talvez fosse mais fácil desistir . Não é . Desculpa se já não te digo bom dia , desculpa se já não sorrio para ti , desculpa se já não me sento contigo , desculpa ter-te feito perder a segurança , desculpa ter-te feito chorar , desculpa ter-te feito pensar que me ias perder , desculpa ter-te feito pensar que já não gosto de ti . Desculpa se sou irracional e impulsiva . Desculpa se me dói esta distância que eu criei . Tenho saudades tuas e preciso de ti . Desculpa .
Amo-te, melhor amiga . 



(08-05-2011)

sábado, 7 de maio de 2011

Confusion .

Quando estou contigo eu não controlo o tempo , eu não controlo a cor do céu , eu não controlo a temperatura , eu não controlo o cheiro do calor . Quando estou contigo eu sou livre , eu sou feliz , eu sou tudo . Tu fazes-me ser tudo e fazes-me querer que tudo sejas tu . Mas se tudo tu não fosses tudo nada seria .



(07-05-2011)

Perfectly together .


És uma porca e cuspiste-me açúcar mas eu amo-te com todas as minhas forças e vou cumprir todas as promessas . A distância vai dar cabo de mim , mas vai fortalecer-nos (e depois não me responsabilizo pelos meus actos quando estiver contigo princess) *^-^*
És tudo para mim , a minha vida sem ti não faz sentido .
1 mês , meu amor . E sim , é o primeiro de muitos ♥

i just wanna feel

Não consigo dizer por palavras aquilo que tu me fazes sentir . Não consigo descrever por palavras o teu cheiro , o teu toque ou o sabor da tua pele . Não consigo descrever a sensação de ver a minha imagem reflectida nos teus olhos ou o calor que me fazes sentir . Só te consigo dizer que tu és super especial para mim e que eu quero que me faças sentir sempre como eu me sinto agora .
Porque tu foste a primeira . Porque tu me ensinaste a demonstrar fisicamente aquilo que sinto por ti .
Amo-te .


(01-05-2011)

Favores .

Quando me perguntam o porquê de eu não gostar de fazer anos eu respondo que é porque dá demasiado trabalho e porque continuo pequena , mas na verdade é porque não sei lidar com a expectativa de saber se uma só pessoa se vai lembrar . Não me parece . Nunca ninguém me magoou como tu me magoaste , ninguém me desiludiu como tu desiludiste , ninguém traiu a minha confiança como tu traíste . Foste a pessoa mais importante da minha vida . Eu podia não ter mais ninguém , eu podia não ter mais nada desde que tu ficasses comigo . O mundo inteiro podia estar contra ti mas eu ia estar do teu lado .
Foste tudo , mas agora quando olho para ti tudo não foi nada . Quando olho para ti desejo que desapareças para eu nunca mais ter de te voltar a ver , para eu nunca mais ter de me lembrar o que sentia quando me chamavas melhor amiga .
Faz-me só um favor , se te lembrares , não me dês os parabéns .


                                                                                                                                          (01-05-2011)

segunda-feira, 25 de abril de 2011

"Hot days , hotter nights"

Preciso de sentir . Preciso de sentir a pressão do teu corpo sobre o meu , preciso de sentir as tuas mãos em mim , preciso de sentir a tua língua na minha pele , preciso de sentir a tua boca na minha . Quero deixar-te doida por mim , quero-te molhada , quero sentir a tua respiração descontrolada , quero-te sentir em cima de mim , quero-te sentir por baixo de mim , quero-te sentir dentro de mim . Quero que faças de mim o que tu quiseres , quero fazer de ti o que eu quiser . Quero que me agarres , quero que me prendas , quero que me domines . Quero-te na minha cama . Agora . Já . Não quero esperar mais .
Quero-te , amo-te , desejo-te . Preciso de ti aqui .



(25-04-2011)

quarta-feira, 20 de abril de 2011

Odeio sapos .

Hoje apercebi-me de que eu já não pertenço aqui. Isto já não é o que eu sou e, infelizmente, foi o que eu fui durante demasiado tempo. Não consigo compreender a vossa necessidade de passarem uma imagem de perfeição e felicidade que na verdade não vos encaixa, isso não é o que vocês são! Desculpem se já não me encaixo nesta falsidade, nesta arrogância e futilidade, desculpem se já não vejo significado nos bens materiais e aprendi que o que realmente importa são os sentimentos. O que realmente importa é o conteúdo e não a embalagem. Deviam parar para pensar no que têm como seguro na vossa vida. Ao que se vão segurar quando tudo começar a desabar? À vossa imagem? Sinceramente, mete-me nojo que estejam continuamente a inferiorizar aqueles que são maiores que vocês mas ainda não o perceberam.
Já foram bem mais do que são agora.



(19-04-2011)

quarta-feira, 13 de abril de 2011

Weird .

Por muito que procures nem tudo tem sentido . Nem tudo tem uma justificação ou uma explicação lógica .
Deviamos deixar de fazer coisas só "porque sim" .
Boa noite , amo-te .

quarta-feira, 6 de abril de 2011

Self destructive .

Eu não consigo . Não consigo dizer nada porque não encontro as palavras certas . Não há palavras certas porque nada pode mudar o que eu fiz e nada pode apagar eu tê-lo feito . Eu sei os motivos de tu seres como és , eu sei que te magoei . Talvez eu seja demasiado exigente . Talvez eu seja só demasiado estúpida . Talvez eu seja demasiado insegura . Talvez eu tenha demasiado medo de te perder . Eu sei que um abraço e meras palavras não mudam nada .
Desculpa que eu não esteja a cumprir o que te prometi , desculpa eu não estar sempre ao teu lado .  Desculpa que a menina sorridente que te dei a conhecer seja só uma parte de mim . Desculpa eu esconder a parte fraca de mim . Desculpa eu ser fraca ao ponto de precisar de me magoar a mim própria e magoar os outros com isso . Desculpa eu ser assim . Desculpa eu ter-te magoado (e eu sei que não foi só uma vez) . Desculpa eu ter-te mentido . Desculpa . Tens de compreender que quando eu escrevo estou sempre muito triste e sai-me tudo , mesmo que nem tudo seja verdade. Eu não te vou pressionar , nunca o fiz mesmo por te conhecer . Eu estou a dar-te tempo para decidires se queres desculpar-me ou não . Mas de cada vez que eu chamo o teu nome consigo perceber na tua voz a dor que te fiz sentir . E de cada vez é como se me espetassem uma faca na barriga. Eu não consigo dizer nada porque tenho raiva de mim própria. Destrói-me ver-te  assim por minha causa. Magoar-te era a ultima coisa que eu queria nesta vida. Eu queria proteger-te de tudo o que te pudesse ferir e acabei por ser eu a fazê-lo . Eu queria que tu me protegesses . Mas enquanto tu procuravas males exteriores dos quais me protegeres eu precisava que me protegesses de mim própria . Como é que componho as coisas agora ?
Eu não quero que me desculpes , eu não quero que aceites , eu quero nunca o ter feito .
Tu sabes que eu te compreendo . Tu sabes que estes dois meses foram muito especiais para mim , apesar dos nossos problemas às 5ªas feiras e tudo o mais . Tu és tudo para mim . Eu quero que venham mais dois meses e mais quantos me quiseres dar. Dói-me só de tentar imaginar-te fora da minha vida . Eu amo-te, não consigo viver sem ti.
Desculpa .

(06-04-2011)

terça-feira, 5 de abril de 2011

Save me from myself #

Eu quero parar, juro que quero . Mas não consigo , é mais forte que eu . Eu sei que te desiludi , mas o que está feito , feito está e eu não posso voltar atrás . Eu sei que isto não me leva a lado nenhum , mas eu sou fraca e sou estúpida . Cada vez que o fiz pensei em ti . Pensei no quanto te estava a desiludir . Arrependi-me todas as vezes , mas foi sempre demasiado tarde . Todas as vezes que o fiz olhei para o meu sangue a escorrer e pensei que te ia perder se visses o que eu tinha feito , sentia-me culpada . Mas ao mesmo tempo sentia que ao castigar-me assim me estava a libertar .
Quinta-feira. Queres saber o que senti ? Senti que errei como filha . Apesar de não achar que a minha mãe tivesse razão achei que errei . E queria poder ter a minha mãe para me abraçar e dizer que ia ficar tudo bem , mas em vez disso ela disse que se estava a cagar para mim . Sabes o que é não poderes confiar na pessoa mais importante da tua vida ? Eu não sei se algum dia vou voltar a confiar na minha mãe . Mas não tenho justificação possível .
Eu também fico desiludida comigo própria cada vez que o faço , sinto pena e raiva de mim própria por o fazer .
As feridas saram , mas as cicatrizes ficam para sempre.
Eu quero parar . Ajuda-me . Não me deixes, por favor. Eu não aguento perder-te .
Guarda-o , leva-o para longe de mim .
(05-04-2011)

segunda-feira, 4 de abril de 2011

Limbo .

Tudo aquilo de que abdico por ti é opção minha . Estou a abdicar de mais e tu estás a retribuir de menos . Quando é que aprendes a dar-me valor ? Quando é que decides mostrar-me que te importas com o que eu faço em vez de me dares um simples “faz o que quiseres” ? Quando é que decides assumir a importância que eu tenho na tua vida ? Ou talvez não tenha nenhuma … Talvez eu não seja para ti tanto como tu és para mim . Talvez não queiras realmente ficar comigo . Talvez todo este tempo não tenha significado nada para ti … Mas tu não me dizes . Não te exprimes e eu posso interpretar erradamente os teus sentimentos e as tuas acções . Quando é que decides parar de ter medo ? Quando é que decides dar-te ao trabalho de me explicares porquê que tens medo ? Quando é que decides deixar o “talvez” e arriscar um “sim” ? Porquê toda esta indecisão ? Porquê toda esta insegurança ? Achas mesmo que eu te iria magoar ? Porquê deixares que o passado comande o teu futuro ? Porquê ficares presa no limbo quando eu te posso dar o céu?
Boa noite, meu amor .

(04-04-2011)

terça-feira, 29 de março de 2011

Fear .

Às vezes temos medo.
Medo que nos julguem, medo que nos magoem, medo que brinquem connosco. Temos medo de reviver momentos que desejamos esquecer. Às vezes temos medo de arriscar, de sermos livres, de partilhar. Temos medo de nos dar e de apenas receber de volta os fragmentos destroçados, esquecidos e espezinhados do nosso coração.
Às vezes temos medo de nos sentirmos presos, às vezes temos medo que ninguém nos queira prender.
Às vezes temos medo de sermos felizes.
Às vezes eu tenho medo.

Perfeita Imperfeição

É por sermos tão diferentes que me fascinas. É por sermos tão iguais que me completas. É por seres tão perfeita de tão imperfeita que me fazes querer ter-te, que me fazes amar-te, que me fazes experimentar sensações que eu nem sabia existirem. Vivemos nesta perfeita imperfeição, neste atropelo de sentimentos e emoções que me atraem, que me repelem, que me baralham e me elucidam. Esta perfeita imperfeição que sou eu, esta perfeita imperfeição que és tu, esta perfeita imperfeição que somos nós é perfeita de tanta imperfeição. É perfeita a imperfeição dos nossos corpos unidos, é perfeito o silêncio que cala a imperfeição das nossas palavras, são perfeitos os olhares que exprimem a imperfeição dos nossos desejos, são perfeitos os nossos sonhos nesta realidade imperfeita. É perfeita a imperfeição da nossa partilha egoísta que imperfeitamente nos faz pensar que somos perfeitas. É perfeito como me prendes nesta liberdade imperfeitamente surreal. É perfeita a nossa cumplicidade no meio da imperfeição da nossa raiva auto-destrutiva. É perfeita a imperfeição ardente do nosso calor gelado. É perfeito o carinho brando na imperfeição dos meus movimentos rudes.
É por eu ter a imperfeição de uma vida perfeita e tu teres a perfeição de uma vida imperfeita que agimos como se fossemos eternas, como se esta perfeita imperfeição fosse um dia tornar-se perfeitamente perfeita.
(28-03-2011 , HB MM)

domingo, 27 de março de 2011

You mess me up .

Liberta-me .
Eu quero ser livre . Quero experimentar tudo sem estar presa a nada . Mas ao mesmo tempo quero e preciso desesperadamente de estar presa a alguma coisa . Preciso desesperadamente que me prendas a ti .
Prende-me , não me deixes ir .

quinta-feira, 24 de março de 2011

Esquece .

Esquece .
Esquece que eu existo , esquece que eu te amo , esquece que eu rio contigo , esquece que eu choro por ti , esquece a forma como me fazes sentir viva , esquece a forma como me fazes desejar morrer . Esquece o calor que me fazes sentir por dentro , esquece que és a minha razão de viver , esquece que és o motivo que me faz querer morrer . Esquece que eu sou forte , esquece que eu sou fraca , esquece que eu não tenho força suficiente para te tirar da vida que levas , esquece que eu não te consigo dar uma vida melhor . Eu sou fraca , eu não tenho a força necessária . Esquece todos os beijos , esquece todos os olhares , esquece todos os arrepios que me fizeste sentir de tanto calor . Esquece tudo o que és para mim , esquece tudo o que eu sou para ti , esquece que eu te amo , esquece que eu te amo , esquece que eu te amo .
Esquece . Esquece que eu não te dei o suficiente , esquece que me magoaste , esquece que já me fizeste sentir desfeita por dentro , esquece que já me fizeste sentir sozinha , esquece que já me deixaste , esquece que já ficaste comigo , esquece que me fazes sentir completa , esquece que me fazes sentir como se nada me pudesse atingir . Esquece que me disseste que me amas , esquece que eu o vi nos teus olhos , esquece que eu te pertenço . Esquece as nossas conversas , esquece como me fazes rir , esquece como me fazes ficar acordada à noite , esquece como eu me preocupo contigo , esquece o quanto eu te quero proteger , esquece que eu te quero fazer feliz , esquece que eu te quero sempre ao meu lado , esquece que eu te quero . Esquece que ao destruireste dessa forma me estás a destruir a mim tambem , esquece que me estás a deitar abaixo , esquece que me estás a consumir por dentro . Esquece que eu estou disposta a tudo por ti , esquece que a minha vida não faz sentido sem ti .
Esquece-me . Só não te esqueças de uma coisa , eu nunca te vou esquecer .

(18-03-2011)

sexta-feira, 18 de março de 2011

Expectativa

Sabes o que é ter uma data marcada ? Fazer planos com antecedência ? Já sentiste aquela expectativa de saber se é nesse dia que vai acontecer aquilo que realmente queres que aconteça ? Expectativa de saber se vais realizar aquele desejo que sabes que sentes mas não és capaz de verbalizar ? Expectativa de saber se o teu desejo é correspondido ; Já sentiste ?
A data está marcada . Muitas noites a pensar ... e tu pensas no que queres fazer-lhe . E tu pensas no que queres que ela te faça . Pensas nos erros que não podes cometer e pensas em qual será a melhor maneira e até qual será o melhor local .
A data está marcada . Qual será o seu sabor ? Qual será o seu odor ? Quais as marcas que o tempo deixou no seu corpo ? Terás tempo de as descobrir ?
A data está marcada . Toda esta expectativa que te ocupa o pensamento ... Será que as deves partilhar ? E no meio de tantas expectativas um só medo , um receio te atormenta , te faz sentir apreensivo ... E se ela não partilhar do meu desejo ?
A data está marcada e tudo pode ser perfeito . Mas um só medo te consome , te tráz novas interrogações ...E se ela não quiser ? E se ela não gostar ? E se não for suficiente ? E se for demasiado ? E se não for tão bom quanto tu esperavas ?
A data está marcada e tu não vais partilhar as tuas expectativas . Se for melhor do que esperavas aproveita e alegra-te disso , não é muitas vezes que acontece . Mas pelo sim pelo não guarda-o para ti , se te desiludires só tu o saberás .
A data está marcada , vais arrepender-te agora ?